Unico SENHOR E SALVADOR

Unico SENHOR E SALVADOR

sexta-feira, 17 de abril de 2015

As Portas do Inferno



Igreja, nos movamos em direção as portas do inferno, passemos por elas, e salvemos as pessoas que estão aprisionadas no pecado, na ignorância e, sobretudo, na religiosidade…

“Também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela.” (Mateus 16:18)

Apesar do jogo de palavras, pois Pedro significa pedra, não é a pessoa de Pedro que é a pedra fundamental da Igreja, e sim Jesus Cristo, verdade esta confirmada pelo próprio Pedro em (1 Pedro 2:4-8 ; Mateus 21:42-44).

Contudo, todos os apóstolos, inclusive nós cristãos, nos tempos de hoje, somos fundamentais no processo de edificação da Igreja, por isso, somos reconhecidos por Deus como “pedras vivas”, e como porta-vozes e testemunhas do evangelho de Cristo, garantimos a sua veracidade.

A Igreja é constituída não apenas sobre a pessoa de Cristo, mas também na Sua obra que O fez morrer, entrar no hades, e vencer a morte, através da ressurreição (1 Pedro 3:18), obra esta, que hoje realizamos.

A “edificação da igreja” depende, portanto, da revelação de Cristo por parte de Deus (João 16:13). De Cristo ser o fundamento (1 Coríntios 3:11). 

De Cristo exercer o Seu poder soberano (Mateus 18:18-20). Dos discípulos confessarem a Jesus (Atos 1:8 ; 8:4), e de, também, levarmos o ataque até as portas do hades - “Portas do Inferno” - Gr hades “lugar dos mortos” – (Atos 5:29).

Quando dizemos que a edificação da Igreja depende de levarmos o ataque até as portas do inferno, significa que somos nós que devemos nos mover, espiritualmente falando, através de orações e jejuns e, sobretudo, através da nossa adoração, que será sempre o nosso maior instrumento de batalha espiritual, e não apenas ficarmos na defensiva aguardando as investidas do inferno.

A bíblia declara que as portas do inferno não prevalecerão contra uma igreja que é ativa, e não omissa. Por isso, entendemos que devemos nos mover em direção a essas portas, e exercermos sobre elas o poder soberano de Cristo.

Uma Igreja omissa é aquela que pensa que porque Deus fez promessas, Ele terá obrigação em cumpri-las independentemente de suas omissões. É verdade o que está escrito em (Números 23:19) acerca da fidelidade de Deus, todavia, não podemos nos esquecer, também, do que está escrito em (Hebreus 10:36), sobre a condição exigida para alcançarmos as Sua promessas.

“Deus não é homem para que minta, nem filho do homem para que se arrependa. Porventura tendo Ele dito não O fará, ou tendo falado, não O realizará?” (Números 23:19)

“Necessitais de perseverança, para que, depois de haverdes feito a vontade de Deus, alcanceis a promessa.” (Hebreus 10:36)


Quando ministramos versículos separados da Bíblia, sem nos preocuparmos em trazer a verdadeira mensagem proposta por Deus, distorcemos o conteúdo do evangelho. Quando afirmamos que as Promessas de Deus se cumprirão incondicionalmente, ou seja, independentemente de minhas ações ou omissões, ignorando o livre-arbítrio do homem, trazemos um Evangelho fácil que satisfaz a maioria das pessoas, pois muitos não querem um verdadeiro compromisso com Deus.

Devemos falar sempre a verdade e de forma completa, lembrando às pessoas que apesar do desejo de Deus em abençoar a todos, somente viverão as Suas promessas, aqueles que se tornarem merecedores delas.

Igreja, nos movamos em direção as portas do inferno, passemos por elas, e salvemos as pessoas que estão aprisionadas no pecado, na ignorância e, sobretudo, na religiosidade…

Há poder sobre a Igreja para isto, no entanto, estaremos desabilitados de tamanha autoridade, se continuarmos parados, inertes e alheios a nossa responsabilidade.

Não caiamos em contos ou fábulas que pregam a predestinação de forma distorcida. Deus nos predestinou para vivermos o melhor desta terra, e irmos com Ele para os céus… Mas, lembre-se, quem aceita este destino é você. A sua “Obediência” é o passaporte garantido, para que este fim proposto por Deus, se cumpra em sua vida.

Deus te abençoe

Autor: Pr. Wagner Konig 

Divulgação: EstudosGospel.Com.BR 

4 comentários:

  1. Muito bom a explicação foi bem útil para mim

    ResponderExcluir
  2. Muito bem explicado,(revelaçao da palavra é chave do reino do céus)

    ResponderExcluir
  3. Gostei da explicação do texto, aí da mas quando fala da igreja ativa , assim como foi nos tempos da igreja primitiva , eles saíram das quatro paredes e foram em direção as vidas aprisionadas .

    ResponderExcluir

Faça um blogueiro feliz, comente!!
Porém...
Todo comentário que possuir qualquer tipo de ofensa, ataque pessoal e palavrão, será excluído sem aviso prévio!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...